terça-feira, 18 de novembro de 2008

A palavra é consideração

Na minha estréia nessa faxina, pensei, pensei, pensei por onde começar a limpeza. Então decidi começar pelo principal, o coração. È minha gente, até as “Mirandas” da vida têm coração. E todo coração passa a vida buscando sentimentos para preenchê-lo, sentimentos familiares, de amizade e é claro, de um bom macho, daquele tipo “perfeito” (gostoso o suficiente pra chamar nossa atenção e causar inveja nas outras, quente o suficiente pra nos levar a loucura e é claro, fiel kkk).

E nessa busca por sentimentos uma curta frase é o desejo da maioria das mulheres. É, é isso mesmo que você ta pensando, o famoso e sonhado “Eu Te Amo!!!” Uma pronuncia que leva poucos segundos, mas que tem um efeito inexplicável. Tá, tudo bem, às vezes a frase vem de alguém sem muita importância, aí da até pena, mas quando vem do macho perfeito, vale mais que ouro.

Mas esses tempos eu descobri, a duras penas, que damos valor de mais a esta simples frase. Depois de ter ouvido por várias vezes o “Eu te amo!!” daquele que eu considerava o macho perfeito, o inesperado aconteceu, ele deixou de ser perfeito e se tornou um canalha. Nem mesmo todo o meu poder (ah, esqueci de dizer, EU SOU PODEROSA – BOA, BONITA E GOSTOSA kkkk), me livrou de inúmeras traições, fui apunhalada de todos os lados. Até cheguei a pensar que eu não era mais tão poderosa assim. Perguntava-me, como alguém que ama, pode fazer tão mal a pessoa amada???

A resposta veio em um dia de surto. Quando sofria, ou melhor, me descabelava por mais uma “aprontada” dele e me questionava Deus por quê?? Por quê?? (coitado de Deus, tem que agüentar cada coisa kkk) Minha irmã veio com a explicação mais sábia que já ouvi, ela disse: “Ele não tem consideração por você”. Nem todo mundo que ama considera. Vi que ela tinha razão, considerar é mais que amar. De acordo com o nosso amigo Aurélio, consideração:

[Do lat. Consideratione.]
Substantivo feminino (tinha que ser né? kk).
1.Ato ou efeito de considerar.
2.Importância dada a alguém; respeito, deferência, estima.
3.Reflexão, raciocínio.



Ou seja, uma junção de sentimentos básicos e fundamentais para o amor ser verdadeiro.
A partir daí descobri que a “Palavra é Consideração”, desde então tenho tentado levar isso para todas as relações da minha vida. Com a família sou cúmplice, sou filha, sou irmã, sedo a mão e até o corpo inteiro se eles precisarem. Com as amigas, sou leal, mesmo quando erro tentando acertar, sofro com seus sofrimentos e fico feliz com as conquistas de cada uma delas. E assim vou preenchendo o meu coração de sentimentos, puros, verdadeiros e consideráveis. E você deve estar se perguntando e quanto aos HOMENS?? Ainda não apareceu nenhum que merecesse minha consideração. Então como diria um grande amigo meu, “enquanto os certos não aparecem, eu me divirto com os errados”.

Pra você fica a sugestão, faça uma faxina no seu coração, jogue fora sentimentos medíocres e sem nenhuma consideração e dê espaço ao verdadeiro “Eu Te Amo!!” ou seria “Eu te considero!!”.

Esta sou eu,

Miss Kiss

6 comentários:

disse...

Belo post de estréia, Miss Kiss! Vou explorar mais a palavra consideração nos meus relacionamentos!!

18 de novembro de 2008 12:42
Lady D. disse...

Adorei miss kiss....
È dificil encontrar pessoas que nos considerem hj em dia...
..

19 de novembro de 2008 09:51
Diana Bitten disse...

Vim para parabenizar pelo post de estréia tb!

Irei conferir os outros!

Abços!

19 de novembro de 2008 13:26
Aquiles disse...

Este posto tem minha consideração, prezada faxineira Miss Kiss.

20 de novembro de 2008 12:18
Criska disse...

Quem é você que não conheço? rs

20 de novembro de 2008 22:24
tontona disse...

Que bom amiga Kiss que sua irma a alertou, e vc teve consideracao consigo mesma e deu um basta nessa relacao. Mas e assim mesmo, enquanto vc nao encontrou a consideracao, foi experimentando o pior sentimento que um ser humano pode sentir, o da rejeicao. Mas que bom que salvou a si mesma a tempo!!!

3 de janeiro de 2009 12:32